Participe deste site deixando o seu comentário

Participe você também deste site clicando abaixo de cada ministração no campo "comentários" ou mande-nos um email - pr.cassio@hotmail.com. Grande abraço.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

TRAZENDO A ARCA (A PRESENÇA DE DEUS PARA SUA VIDA) 09 DE JAN 2011

&Como trazer a glória de Deus ? Como lidar com ela?

Porque Deus deseja reconstruir o tabernáculo de Davi? Por que ele não diz que vai restaurar o tabernáculo de Moisés? Afinal, foi o primeiro lugar sagrado construído por homens. Porque Deus não quer reconstruir o templo de Salomão com toda a sua glória e esplendor? O fato é que Deus procura paixão e não palácios. O tabernáculo de Davi era um símbolo da Igreja no Velho Testamento e foi fruto de paixão e profundo desejo pela presença de Deus. 

Davi foi capaz de perceber o que estava no coração de Deus, mesmo que Deus não tenha pedido nada. Se temos fome da glória de Deus, Ele não terá reservas em nós, não terá limites em nós. 

As pessoas são atraídas pela glória de Deus. Não vamos trabalhar com um monte de estratégias, mas nos negar a trabalhar sem a glória de Deus. Deus sempre tem mais e nós queremos mais da sua glória. Veja a seguir oito princípios para a glória de Deus: 

1. A busca da intimidade traz a bênção, porem buscar apenas a bênção não resulta em intimidade (1 Cro 13.1-4) 


Davi não estava atrás do ouro ou da vitória sobre os seus inimigos. Não estava interessado em ter mais casa, dinheiro, fama ou coisas. Mas buscava a chama da glória de Deus. Se você quer a benção em cada área da sua vida, traga a arca de Deus para cada uma delas. Não busque as coisas, busque a glória de Deus, não as Suas mãos, mas o Seu coração, não as bênçãos, mas o dono delas. Davi não estava atrás de uma benção, queria a intimidade, que traria certamente a bênção. 

2. Boa intenção apenas não substitui a verdadeira espiritualidade 


Davi desejava sinceramente trazer a arca do Senhor para Jerusalém, mas tentou fazer isso por meios naturais e até mundanos. O carro de boi foi o método usado pelos filisteus (1 Sm 5.1, 6.11). Os Filisteus tomaram a arca em uma batalha e tiveram muitos problemas porque não sabiam lidar com ela. Não basta tocar ou pregar com sinceridade, temos que fazer tudo isso à maneira de Deus e não segundo o padrão do mundo. O carro de boi nos fala de métodos naturais, humanos, mundanos. 

3. Quando buscamos a glória de Deus as coisas ficam mais difíceis e não mais fáceis (2 Sm 6.9-18) 

A arca era de ouro, muito pesada. Seria mais fácil, portanto, leva-la em carros de bois. Mas Davi percebeu que não era aquela maneira certa de trazer a arca e sim através dos Levitas. Colocar a arca numa carroça foi um métodos humano para comodidade e menor esforço. Já o caminho para o avivamento envolve esforço e busca. O boi simboliza força na Bíblia, mas Deus estabeleceu que o canal de Deus é a fraqueza do homem. No caminho eles sacrificaram a cada seis passos e isto por aproximadamente 20 Km. Uma verdade da vida é que o suor atribui valor. Mas, queremos a gloria de Deus automaticamente, sem busca, sem preço. A glória de Deus vem para os que querem buscar e pagar o preço. Preguiçosos e passivos não podem ter a glória de Deus. É por isso que o dízimo e a oferta são uma forma de adoração, pois damos algo que atribuímos valor pelo nosso trabalho. 

4. Desça do seu trono para Jesus assumi-lo (2 Sm 6.17) 

Davi fez duas coisas: construiu um tabernáculo sem véu para abrigar a presença de Deus e depois um trono de louvor e adoração contínuo ao Senhor. Não adianta convidar o Senhor se faltar reverencia. Muitos não cultivam um ambiente santo para o Espírito Santo se manifestar. Um ambiente cheio de fome intensa, de gente desesperada por Ele. Não temos o direito de pedir o fogo do céu se não somos a sarça para sustentá-lo. 

5. Não tenha receio de sair da religiosidade 

Religião é ritual sem presença de Deus. No Tabernáculo de Moisés não havia música, mas rituais. Somente o sumo-sacerdote tinha acesso ao santos dos santos diante da arca e o culto era solene e esplendoroso. O tabernáculo de Davi, por outro lado, tinha música e o único ritual era a adoração. Todos ministravam diante da arca e não tinha aparência alguma.

6. A glória de Deus é pedra de edificação e pedra de tropeço
Jesus disse que ele seria a pedra para a edificação da Igreja, mas seria pedra de tropeço para o mundo. Para Uzá foi morte ter a arca, mas para Obede-Edom foi bênção. A glória de Deus para um é vida e benção, para outro é morte. A questão é nossa atitude – quando a glória de Deus vem, não há como ficarmos indiferentes. Qual sua atitude, entrar no mover ou criticar os extravagantes? Uzá simboliza a força humana, a irreverência e a atitude contrária à Palavra de Deus. Obede-Edom simboliza o sacerdócio (2 Cr 26.1-4) e aquele que deseja Deus e não teme coisa alguma. 

7. Não se pode preservar a aparência e buscar a divindade (2 Sm 6.14-16, 20-23) 


Davi resolveu dançar diante da arca de Deus. Mical destacou a aparencia mais do que a divindade. A maldição da aridez e da esterilidade foi colocada sobre ela e está sobre todos os que se preocupam mais com os homens do que em agradar a Deus. Encontros íntimos com Deus às vezes são embaraçosos na vida do homem (Mc 10.48). Precisamos ser como crianças para entrar no reino. Crianças se expressam livremente. Atraia a atenção de Deus e ignore a reprovação do homem. 

8. A glória é para aqueles que cultivam uma sede insaciável por Deus 

Davi clamou: Como trarei a mim a arca do Senhor? O exemplo das casas antigas com uma pêra como acendedor. Estamos tateando tentando achar o interruptor que acende a luz da glória de Deus. A glória de Deus é como luz e nós estamos tateando para acha-la, as vezes parece cômico, estranho. Mas, quando acharmos a glória de Deus virá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você tem a oportunidade de participar dando sua opinião e fazendo seu comentario.Portanto sejam bem vindos e faça isso com muita seriedade, pois seus comentarios serão visto por muitos tbem.
Este é um trabalho sério que tem o intuito de ajudar pessoas que estejam em busca do Deus Vivo e de viverem grandes experiencias com Ele. Abração

Postar um comentário